quinta-feira, 28 de abril de 2011

O Cruzeiro da Colômbia [PODCAST #49]

Mais uma vez o Cruzeiro mostrou que está com cara de Campeão.
Não foi o melhor jogo da Libertadores em 2011 mas mostramos força e determinação.
Comentamos também as finais do Ruralito.
Obs:
(Aos 18 minutos você vai entender o título do podcast)

Ouça no Player
ou baixe para ouvir quando e onde quiser
(Clique direto ou com o botão direito do mouse escolha as opções 'Salvar como' ou 'Salvar Link como')
Entre em contato com a Rádio Raposa pelo email:
radioraposa@gmail.com

5 comentários:

RÁDIO RAPOSA disse...

Música de hoje:
Ace of Spades do Motorhead
Sugestão direta do Joao da Rockzeiros.
VALEU!!

Ledilene disse...

E aí, galera!
É complicado chegar a conclusão final para a questão: ' Jogar ou não campeonato mineiro? '. Há prós e contras que já foram comentados por vcs e merecem grande destaque: renda e contusões. O valor a ser pago ao Cruzeiro pelas transmissões do Mineiro + título é bom o suficiente para ignorarmos o fato de, caso algum jogador se machuque, atrapalhe o time em competições maiores, e que, consequentemente geraria mais lucros? Talvez. O fato é, que para torcedor, o campeonato mineiro não é apenas uma taça para ultrapassar as cocotas, mas sim a expressão de maior rivalidade mineira. No campeonato brasileiro nem sempre será possivel jogar contra as frangas (cair faz parte da história delas), então é necessário que o campeonato mineiro continue sendo organizado. Não concordo, porém, que o campeonato mineiro continue colocando times como o Cruzeiro para enfrentar times que levam duas goleadas seguidas (8x1 e 7x0) e que este último, tenha conseguido chegar a tal fase do rural. Se compararmos o mineiro com outros estaduais percebemos claramente que é um dos campeonatos mais fáceis de se chegar a final, pois infelizmente em MG não temos rival que possa atualmente trazer grande preocupação. Mas isto não cabe a mim decidir e sim é a FMF.
Entre alternações de Mineiro e Libertadores, Cuca deve sim poupar jogadores para a LA. E o técnico celeste está reinventando escalações de deixar qualquer torcedor com dúvidas. Felizmente, tudo tem dado certo. Importante ressaltar que time que quer ganhar, não se intimida com escalações duvidosas, com desfalques considerados de suma importancia e tão pouco altitude ou com gramado ruim. Time que quer vencer tem que fazer como o Cruzeiro têm feito: superar espectativas, garra e vontade. É o ano do Cruzeiro, não tenhamos dúvidas sobre isto!!

Abraços,

Ledilene disse...

Ah, e um SUPER parabéns pelos 2 anos de Rádio Raposa! Que vcs possam gravar muitos podcasts com comemorações de vitórias e títulos do Cruzeiro, em muitos e muitos anos futuros!

ET downloads disse...

ehhhh cruzeiroooooooooo,e cruzeirooooooooo,e cruzeirooo,e cruzeiroooooooooooo e vamo que vamo china azul !!!

Alexandre disse...

Pessoal,

Primeiro parabéns pelos dois anos. Parabéns de verdade pois eu imagino como seja difícil manter a radio. Eu tenho um blog do Cruzeiro no Wordpress, e nesse blog eu apenas linkava vídeos do Cruzeiro que já estavam na internet. E nem assim eu consegui manter o site atualizado. Vocês criam conteúdo, gravam podcast e estão ai ha dois anos já. Muito bom galera.

Outro elogio pra vocês cara, são os títulos do podcast. Há algum tempo quero comentar isso mas sempre esqueço. Em cada título vocês tentam sair do lugar comum, e normalmente tem uma tirada bem foda. Esse do "Cruzeiro da Colômbia", foi demais. Lembro também daquele "Onde está o Wallyson", foi muito criativa a referência.

Pergunta, se o Once Caldas é o Cruzeiro da Colômbia, seria o Tolima o Patético Mineiro colombiano? Acho que não é não né, o Tolima joga libertadores e as cocotas não! Inclusive o Tolima em participações tá vencendo as frangas por 5 x 4.

Sobre o jogo ficou claro que o Brandão tá sem ritmo de jogo. Inicialmente eu achei burrice do Cuca colocar ele. Depois pensando com mais calma acho que entendi a dele. Como o Brandão não joga no mineiro acho que o Cuca já quer dar ritmo pra ele, pois pode precisar dele já nos próximos jogos da Libertadores.

Falando em Cuca, a conversa com o Ortigoza sobre a linha de impedimento foi demais. Dá pra ver claramente nos dois gols que o Ortigoza parou na linha e só saiu pra bola depois do passe. Foi perfeito. Ortigoza que sempre que entra dá uma mexida no jogo. Acho que ele é o substituto do Thiago, já que o Farias realmente não agradou muito ao Cuca.

Pablo ter machucado foi realmente péssimo. Ele estava jogando cada vez melhor e estava certinho no esquema do Cuca, e é uma das poucas posições que o time carece de reservas.

Gostei do Guerreiro que mostrou que tem habilidade para exercer funções de criação. Alguns colegas de trabalho aqui andaram reclamando que ele só sabia destruir e tocar pro lado.

Sobre o Mineiro, o comentário da Ledilene aqui acima foi perfeito cara. Eu venho reclamando do Mineiro mas esqueço da grana que a tv paga, que é muito importante. Infelizmente não tem solução pra isso. Temos que jogar esse campeonato mesmo. Concordo com vocês, e quem sabe poderíamos fazer igual no Rio e jogar os jogos decisivos somente na capital (por enquanto seria em sete lagoas né), ou ser mais rígido com a qualidade dos estádios como vocês também falaram.

Pra fechar, queria pedir pra equipe de repórteres investigativos da rádio apurar essa negociação do Fabrício com os gambas. Pra mim não faz muito sentido isso. Além de ter identificação total com a torcida ele joga muita bola e tem experiência de libertadores, tudo isso conta para os momentos decisivos. Eu acho uma fria, ainda mais que parece que vão trocar ele por um atacante, posição que já temos quase um time inteiro de opções.

Galera, aceito o convite da coluna na hora! Vai ser um prazer. Vou mandar um email pra vocês pra gente combinar os detalhes.

Abraços rádio raposa a voz da nação azul, maior e mais vitoriosa torcida de minas, na internet!
Alex