terça-feira, 17 de maio de 2011

Mais um pra conta


Deu a lógica. O time do Cruzeiro é muito superior ao do vice campeão, e a derrota em momento de turbulência serviu apenas para acirrar um poucos os ânimos e tornar a final mais divertida.

Apesar de que por pouco o duelo do ataque contra defesa quase premiou o time mais covarde quando MagNada saiu na cara do Fábio. Mas o gigante azul abriu os braços e botou tanto medo que o atacante refugou e Fábio salvou o time em mais uma vez.

Disparidade

A diferença entre o campeão, o vice e os outros times mineiros é enorme. Diferente de outros estados o Cruzeiro é o único time que joga o estadual e que sempre disputou a Serie A. E o único também que já ganhou uma Libertadores.

O Cruzeiro tem 37 títulos contra 40 do adversário. Sendo que o adversário além de ter 13 anos a mais de vida, jogou 6 campeonatos mineiros sem a presença do Cruzeiro. Foram 6 anos de paz em galinhada!

Só nos últimos 10 anos o Cruzeiro venceu 7 vezes esse estadual enquanto o rival só 2 vezes. Por isso a final do estadual é tão importante para as galinhas. Sem contar que nesses últimos 10 anos o Cruzeiro dividiu a atenção com a Libertadores em 5 edições, sempre jogando a 2a. fase e fazendo uma final. Além de também ter vencido nesse período uma Copa do Brasil.

O Cruzeiro tem pela frente 10 exatos anos até fazer seu centenário. Alguém dúvida que vamos passar as frangas até lá?

Mas pra dizer a verdade essa disputinha de campeonato estadual não me importa muito. Queremos mais brasileiros e libertadores, só 2 de cada está pouco.

Brasileirão 2011

E agora, do mesmo jeito que perder um estadual não quer dizer que tá tudo errado, ganhar também não certifica que o time tá pronto.

O ataque precisa de um cara, pois dos reservas só Ortigoza mostrou alguma coisa até agora. Esse cara pode até estar no banco, mas precisa aparecer.

A lateral direita também preocupa, depois que o Pablo se machucou só tivemos meias improvisados. Quem sabe o Vitor resolve o problema.

E em Agosto abre a famosa janela e times da Europa e Oriente Médio vem ai com a mala cheia de grana em busca dos nossos craques.

E ainda o Sr. Cuca precisa encorpar o time na defesa para aprender a não tomar gols quando o dia do ataque for ruim como foi contra o Once. Cuca que por sinal acertou em tudo na final. Ele foi perfeito ao segurar o Dudu que estava pronto para entrar até o momento do gol. E ai ele mudou a substituição e reforçou a zaga com o Leo no momento certo.

Mesmo com essas ressalvas não duvido do potencial desse time, e os adversários também não metem medo.

Pra fechar a segunda coluna, deixo pra vocês mais uma frase. Essa foi do Fabricio, logo após ao jogo.

"Quem ri por último, ri do atlético"

10 comentários:

RÁDIO RAPOSA disse...

"...abriu os braços e botou tanto medo que o atacante refugou".
Acho que foi o Thiago Ribeiro que disse: -70% do mérito do campeonato foi do Fábio.
Muralha Azul!
.
Tenho medo dessa janela, será que conseguimos segurar o Victorino, Montillo, etc?
A realidade do futebol brasileiro está mudando mas acho que ainda não chegou em Minas. Vamo aguarda".
.
"Quem ri por último, ri do atlético"
Mais uma pro # FabricioFacts
.
Valeu Alex!

Alexandre disse...

galera, e pensar que o adversário mais dificil no caminho da libertadores seria o santos. que teta que ficou pro santos esse ano.

mas em libertadores mais do que nunca cada jogo é uma história, e as surpresas sempre acontecem.

quanto as dispensas, o que voces acharam? eu já sabia que iriam acontecer, mas eu imaginava que iriam ser emprestimos igual o patetico fez com o lateral que foi pro coelho, com regra que nao pode jogar contra. ai os jogadores emprestados tiram pontos dos outros mas nao tiram da gente. mas o foda é que alguns nao querem ir pro america, pro atletico goianience, ou pra outros times de menor expressao.

RÁDIO RAPOSA disse...

Continuo não acreditando que o Santos leva essa Libertadores.
Essa molecada vai tremer na hora H!

Quanto as despensas, achei uma pena só no caso do Farías.
Ele deveria ter tido mais chance logo que chegou aqui. O "caso W Paulista" prejudicou o que poderia ser uma passagem histórica de mais um Argentino no time Celeste.
Agora já não tem clima, o cara quer voltar pro Estudiantes e espero que ele seja feliz por lá.

Anônimo disse...

O time dessa vez tem que começar o brasileirão com o pensamento em liderar desde as primeiras rodadas, p/ não acontecer como no ano passado, quando no final os pontos perdidos fizeram falta. Precisamos também reforçar o time já pensando nas possíveis perdas quando a janela se abrir. No ano passado o que faltou p/ o time ser campeão foi um ataque mais eficiente, então, precisamos de um bom atacante p/ fazer a diferença, e não jogadores medianos apenas p/ compor o banco. Apesar de tudo estou confiante.

Daniel(RÁDIO RAPOSA)

Ledilene disse...

E aê, fera!
Primeiramente, parabéns atrasado pela coluna! Mostre aí pra galera que é mais um dos garotos da Radio Raposa com muito a oferecer aos internautas torcedores do Cruzeiro!!

O campeonato mineiro, embora seja considerado inútil, tem uma serventia de valor: Levantar a confiança do time para o início do maior campeonato do país. Sair de um campeonato, por menor valor que o mesmo tenha, com a taça em mãos, ergue o ego dos jogadores; principalmente quando o jogo é em cima do maior rival, e quando se está perdendo no quesito vantagem! A disparidade de títulos é incomparavel, e olha que você nem chegou a mencionar que fazem exatamente 40 anos que as rosanas não sabem o que é um campeonato brasileiro. Eu preciso falar mais alguma coisa?

De todas as dispensas, Farías é a que fará mais falta. Não por ter sido destaque, mas por ter perdido a oportunidade de o ser. A preocupação atual é com as laterais, que infelizmente não estão correspondendo suficientemente ao que o time irá precisar no brasileirão. É torcer para que Vitor corresponda ao que a exigente torcida deseja!
Mas não apenas Vitor. O desejo é que o Cruzeiro corresponda e leve para a Sede Administrativa mais uma taça em 2011!

p.s: Parabéns RR, pelas modificações no blog! Muito bom gosto!

Abraços,

Bruno disse...

Muito legal a coluna Alexandre.
Não sabia que o Cruzeiro ficou 6 anos sem disputar o ruralito. Quando foi isso? Mais um bom argumento pra zuar as frangas.
Lembrando que o novo uniforme delas é verde limão, mas mesmo assim serão sempre as frangas rosas...rs.
O Cruzeiro precisa de mais um zagueiro ja que perdeu 2, e pelo menos mais um atacante, que seja dos bons, ja que perdeu 3. As laterais tbém preocupam, mas da pra confiar no time, ja que o foco agora é total no brasileirão

RÁDIO RAPOSA disse...

Valeu Ledilene!

Bruno, tb queria saber mais dessa história dos 6 que não participamos.
Explica ae Alex!

O Kaiu falou tanto que a camisa rosa era o máximo que não perdeu a oportunidade de muda-la.
Esse é o galinho arco-íris de Minas.

Alexandre disse...

Galera, o campeonato mineiro, que era chamado campeonato da cidade começou 6 anos antes da criação do palestra italia, que depois virou cruzeiro. O Palestra então jogou o primeiro no ano de sua criação em 1921, já na sexta edição do campeonato.

O mais patético é que o patétio mineiro só ganhou um 1 desses 6 titulos, e os outros 5 ficaram com o américa. Ou seja, eles não aproveitaram tão bem os anos de paz que o Cruzeiro deu pra eles.

Anônimo disse...

grande bosta ser superior que o atlético
grande bosta ser campeão mineiro

GRANDE BOSTA

Stefano disse...

o gaylo existe ainda??