segunda-feira, 17 de maio de 2010

Empate Heróico

Cruzeiro vs Avaí (Segunda-feira, 17 de Maio de 2010)

Em condições normais, este empate seria visto como um resultado muito ruim, péssimo. Digno de uma chuva de vaias e críticas.
Seriam dois pontos jogados fora. Um jogo para riscarmos de nossa memória para todo o sempre.
Mas não foi bem assim, não. As circunstâncias do jogo nos colocaram à prova mais uma vez, assim como em tantas outras oportunidades vistas durante todo o ano passado.
O jogo que pouco prometia, acabou tomando outros contornos a partir da expulsão de Leonardo Silva ainda em seu início.
Em certo momento, era iminente a goleada. Em outro, a virada.
Foram dois tempos distintos, enfim, que deram ao Cruzeiro aquele algo a mais que tanto necessitamos para a missão da próxima quarta-feira, no Morumbi.
Se dentro de um jogo de 90 minutos uma grande reviravolta pode ocorrrer, temos motivos, SIM, para crer em situação semelhante numa batalha de 180 minutos.
Que todo o grupo celeste tire deste jogo a inspiração que toda a Nação Azul tanto deseja, pois, certamente, sem isso não conseguiremos esta tão sonhada façanha.

Fabrício

Foi o nome do jogo. Há outros nomes a serem destacados, é verdade, mas o espírito de luta deste jogador conta muito.
Ao fim do jogo, o desgaste do cara era visível. Sem ele não teríamos chegado ao empate.
Que você esteja 100% para o jogo de quarta-feira, pois não é só de seu futebol que precisaremos, meu caro Fabrício.

Leonardo Silva

Fez uma senhora lambança. O lance de sua expulsão não combina com o seu futebol.
Estrago feito, a palavra de ordem a partir daquele momento não poderia ser outra: superação.
Falando em estrago, preparem-se, pois é bem provável que o nosso melhor zagueiro nos desfalque também em outras partidas (além do jogo contra o Bugre, em Campinas).
Ele deverá ir a julgamento em razão desta jogada. Não acredito em absolvição.

Adilson Batista

Teve muita coragem. A sua ousadia nos livrou de um resultado vexatório em pleno Mineirão. Que poderia ter acontecido se os jogadores não estivessem igualmente dispostos a mudar o panorama da partida.
Mas ele assumiu o risco. E acho que, por ele, a vitória seria ainda mais merecida.

Arbitragem

É fraquíssima. Este ano, seguramente, não será diferente dos anteriores.
Os caras erram demais. E para os dois lados.
Ontem o trio errou tanto, que nem do uso da lei da compensação podemos acusá-lo. Eles equivocam-se aleatoriamente.
As duas equipes têm do que reclamar.

Destaques

Positivos:
O volante Fabrício e o técnico Adilson Batista.

Negativos:
O trio de arbitragem e o atacante equatoriano Guerrón (como entrou mal no jogo...putz)

Por hoje é só.
Saudações celestes.

Avante, Cruzeiro!


6 comentários:

RÁDIO RAPOSA disse...

Gostei do poder de reação que o Cruzeiro mostrou.
Faltou um pouquinho de sorte.
Na verdade, faltou sorte nesses dois ultimos jogos.
Estamos acumulando pra gastar quarta-feira. Ae não vai ter bola na trave, vai ter bola na rede do São Paulo!

Carlão Azul disse...

Heróico mesmo. Também vi assim.

Guerrón, sem comentários, não tem mais jeito. Pior é que dizem que ganha uma grana altíssima, inversamente proporcional ao seu salário.

Fabrício realmente vem se mostrando como nosso maior trunfo em 2010.

E quanto ao zagueiro-lambão, melhor nem falar.

Raposa Azul disse...

Não pude ver o jogo, mas pelo que vi, o empate foi heróico, de superação e vontade de vencer.

Quarta vamos com vontade, com raça, ambição para cima do São Paulo, para vencermos mais uma parada. Nas horas difíceis o Cruzeiro cresce.

blograposaazul.blogspot.com

saudações celeste

gustavo disse...

Anda faltando um pouco de sorte mesmo, como bem disse o júlio.
Mas esse tipo de coisa não dura para sempre, portanto precisamos crer que uma hora tudo o que nos faltou neste sentido pode virar a nosso favor.
E que comece a partir deste jogo de quarta-feira, e permaneça até o fim do ano.
Precisamos calar os antis de uma vez por todas.

Bruno disse...

Só vi os últimos 20 minutos contra o Avaí, mas gostei da reação.
O espírito de luta tem que continuar,MAS TEMOS QUE MELHORAR A MARCAÇÃO, não temos que partir pra cima do São Paulo igual loucos. Temos que trabalhar a bola e aproveitarmos 100% as chances de gol. Não podemos errar.E que venha o SPFC.

Temos que relembrar grandes momentos como na Taça Brasil de 66, Supercopa de 91 e Copa do Brasil de 96.
TEMOS HISTÓRIA E TRADIÇÃO.
AVANTE CRUZEIROOOO.

NINO disse...

Suerte!!! a ganarle a San Pablo para seguir en la Copa Libertadores...

Cruzeiro tiene equipo para revertir el 0-2...

Saludos NINO

NACIONAL-URUGUAY